terça-feira, 7 de setembro de 2010

Belo Horizonte - Comida Persa

A primeira dica que tenho para quem mora ou vai para Belo Horizonte é o restaurante Amigo do Rei. O restaurante é especializado em comida persa (iraniana). A proprietária, Nasrin, é uma iraniana muitíssimo simpática que cuida de forma quase artesanal do restaurante.
Algumas curiosidades:
A casa é pequena (umas 7 ou 8 mesas apenas), portanto, reservar uma mesa com antecedência é uma boa pedida.
A culinária persa é fortemente baseada em carne de cordeiro e berinjela, porém, o cordeiro da comida persa não tem nada a ver com o cordeiro da comida árabe e não diria que é melhor ou pior, mas sim, diferente.
A casa mantém os pratos e costumes persas, ou seja, a proprietária não vai te servir uma porção de arroz branco para acompanhar um prato que não o tenha. Além disso, os persas não usam faca para comer. Eles comem com colher e usam o garfo para ajudar a por a comida na colher (mais ou menos como usamos a nossa faca). Sendo assim, como eles cortam a carne? Eles não cortam, nos pratos persas, a carne é sempre em cubos e, pelo grande tempo em cozimento, ficam extremamente macias.
O cardápio é composto de 6 pratos básicos (todo dia tem) e alguns pratos que tem só de vez em quando, portanto, se você for ao restaurante mais de uma vez, pode não encontrar os mesmos pratos.

Minha esposa pediu uma berinjela, chamada de Shikamparêh. É uma berinjela em formato de barca, com carne moída bem magra dentro (mas não tem gosto da nossa carne moída, pelos temperos utilizados) e um pouco picante. É servido com um pão folha (mais ou menos similar ao pão sírio, mas mais fino, talvez como uma massa de panqueca). A foto do prato é esta:


Já o prato que eu comi se chama Eslambolí Poló. É um prato a base de cordeiro, com um arroz com molho de tomate muito suave e um pernil de cordeiro em pedaços. O sabor é muito bom, pois o cordeiro é fortemente temperado com especiarias (que é claro que a proprietária não revela quais são nem sob tortura) com um toque de queijo por cima (no restaurante, usa-se o Grana Padano). Eis a foto do prato.


Em relação ao preço, sem vinhos, tomando cerveja e refrigerante de maneira moderado, o casal vai gastar por volta de R$ 150,00. Entretanto, o restaurante vale cada centavo.

2 comentários:

  1. Oi Jorgiiinho!
    Obrigada pelo seu comment!
    Vou linkar esse seu das Receitas do Nego que ue sempre visito e acho que a mulhereda que lë meu blog pode tb se interessar!
    Aliás.. quando vc vier para ca quero conversar com vc sobre os blogs.. estou precisando de umas dicas!
    E no mais.. td bem?
    Saudades.
    Beijos para vc e para Márcia!

    ResponderExcluir
  2. Claudio Battaglia1 de abril de 2013 20:44

    Caro Jorge, bom dia.
    Na medida do possível estou avisando a todos que gentilmente visitaram e apreciaram a culinária persa apresentada pela chef Nasri em seu restaurante, o Amigo do Rei, que o restaurante não existe mais.
    Estamos morando em São Paulo, eu e minha mulher -a Nasrin- e nos especializamos em realizar jantares na casa das pessoas. Vindo a São Paulo, visite antes o nosso site (www.amigodorei.com.br) e normalmente vai encontrar informações de como nos encontrar (telefones e e-mail).
    Muito obrigado por tudo, um forte abraço de Claudio e Nasrin

    ResponderExcluir